Pesquise (Blog, Web)

Meus livros

Meus livros
Clique na capa, se desejar adquirir

15/11/2014

Resenha: Poesia para crianças - Leo Cunha

Publicada no site ARTISTAS GAÚCHOS
http://www.artistasgauchos.com.br/
Poesia para crianças
Por Jussára C Godinho¹

“Poesia para crianças – conceitos, tendência e práticas”, organizado por LEO CUNHA e publicado pela Editora POSITIVO, é um livro que faz parte do acervo do Programa Nacional Biblioteca da Escola – PNBE do Professor 2013.
O livro reúne, em suas 149 páginas, várias obras de apoio pedagógico, as quais possibilitam ao leitor um “passeio” pelos caminhos do lúdico, do lírico, do carnavalesco que abrigam a Poesia Infantil.  Caminhos, esses, que nos fazem crer piamente que a Poesia deve se fazer presente no cotidiano das salas de aula, dos currículos escolares e da vida das crianças e adolescentes, ela, milagrosamente, abre as portas da sensibilidade e da curiosidade, imbuídas na alma humana.
“O que é a Poesia Infantil, qual o seu lugar na Literatura Infantojuvenil, quais seus elementos constitutivos, seus impasses e seus progressos? As respostas a essas questões são apresentadas pelos cinco renomados autores que compõem os capítulos deste livro: Angela Leite de Souza e “Alguns dedos de prosa sobre poesia”; Carlos Augusto Novais e “elementos de composição poética: noções básicas”; Leo cunha e “O livro de poesia infantil: desafios e tendências”; Gláucia de Souza e “Procurando o poema na sala de aula;  Maria Antonieta Antunes Cunha e “Mergulhando nos textos poéticos” e “Seleção de títulos: como construir acervos e outras orientações”.
Em “Alguns dedos de poesia”, Ângela aborda questões sobre pedagogia e poema, poesia e poema, criança e poesia, poesia para criança.
Carlos conceitua elementos de construção poética: verso, métrica, ritmo, rima, estrofe; jogos sonoros, tais como aliteração, assonância, trocadilho, trava-língua, onomatopeia, paronomásia.  As formas poéticas, dentre as quais o acalanto, a trova, o haikai são lembradas, bem como as figuras de linguagem.
Leo por sua vez, em “O livro de poema infantil: desafios e tendências” fala diretamente aos professores e aponta alguns dilemas enfrentados pelo livro de poesia infantil.  Compara a poesia infantil a um cubo mágico - metáfora criada por ele e usada nas mesas redondas sobre o assunto – para mostrar que a poesia é múltipla, tem vários lados: o lírico, lúdico, ritmo, jogo de palavras e sentidos, a musicalidade, sonoridade, plasticidade das letras, o aspecto visual do poema.
Atividades que envolvem percepção, discussão e criação são explicitadas por Gláucia de Souza em “Procurando pelo poema na sala de aula”.
Maria Antonieta Antunes Cunha em “Mergulhando nos textos poéticos” propõe um estudo de poemas ao professor, no qual são envolvidas leituras para a intuição, análise e fruição em voz alta. E a autora finaliza o livro com uma “Seleção de títulos: como construir acervos e outras orientações”.
“Poesia para crianças”, organizado pelo mineiro premiadíssimo Escritor-Poeta-Professor-Mestre-Doutor Leo Cunha², é um livro que, mesmo sendo dirigido aos professores e educadores, pode e deve ser lido por qualquer leitor, pois apresenta um tema sério e relevante - com respaldo teórico, manifestado em ampla e atualizada bibliografia - numa linguagem leve e acessível a qualquer pessoa interessada sobre o assunto.
Recomendadíssimo!


1.Licenciada em Letras Português e Espanhol-Especialista em Leitura e Produção Textual-Funcionária Pública-Professora.

2. Graduado em Jornalismo-Especialista em Literatura Infantil- Mestre em Ciência da Informação-Doutor em Artes e Cinema-Professor Universitário-Escritor (50 livros)-Poeta-Tradutor. Prêmios: João de Barro, Jabuti, Nestlé, FNLIJ.

Nenhum comentário: